Tem como treinar o cérebro para lidar melhor com o estresse do dia a dia?

Tem como treinar o cérebro para lidar melhor com o estresse do dia a dia?

image

O trabalho exige dos profissionais uma série de habilidades, as quais muitos desenvolvem com o tempo e outros já são predispostos a elas e, portanto, têm maior facilidade em colocá-las em ação. Diante disso, as pessoas precisam lidar com uma série de desafios no ambiente corporativo, como prazos apertados, cobranças, metas e desenvolvimento de projetos. Mas, será que tem como treinar o cérebro para responder melhor sob a pressão do cotidiano?
Segundo o psicólogo Arthur Markman, da Universidade do Texas, existem três elementos que facilitam o trabalho sob pressão. Confira:

 

Recompensa
 

Quando o profissional cria um sistema de recompensa, é possível ver que ele se torna mais motivado e criativo, já que o seu foco está completamente nos aspectos positivos, e não no que pode acontecer de ruim. É possível fazer isso criando pequenas recompensas, que podem ser financeiras ou um determinado bem, e, conforme a atividade for se encaminhando positivamente, mais próximo do prêmio você estará. Caso você perca o foco, a premiação sofrerá alterações.

VEJA TAMBÉM:

A neuroeducação na prática

A inteligência emocional é um ponto a ser aperfeiçoado pelos líderes

Por que a Psicologia Positiva é tão importante nos dias de hoje?

O poder da arte e o nosso cérebro


O treino é o caminho para a perfeição
 

Sabe aquela história de que quanto mais treinamos algo, melhor ficamos? Então, é exatamente isso que precisamos fazer quando se trata de trabalhar sob pressão. Quanto mais trabalhos realizamos nessa condição, mais habilidades criamos para lidar com essa situação.
 

Procrastinar não é a solução para aprender a trabalhar sob pressão. Na verdade, isso é bastante prejudicial. O melhor a se fazer é enfrentar o desafio e focar no objetivo; desse modo, você conseguirá melhorar a forma como lida com as pressões do dia a dia e entregar o trabalho com maior eficiência e qualidade.
 

Mantenha o foco voltado para algo certo
 

Quando voltamos o nosso foco para o que é certo e necessário, esquecemos as possibilidades de coisas que podem dar errado. É natural sentir medo e insegurança, mas quando o trabalho precisa ser feito e você foca apenas no aspecto negativo, toda a experiência pode se tornar completamente estressante e traumática.
 

O melhor a se fazer é prestar atenção nos pontos mais importantes, e não se deixar dar ênfase em todas as coisas negativas. Por isso, o foco deve ser total naquilo que precisa ser realizado, e não devemos deixar que sentimentos negativos transcendam a atividade. Dessa forma, você treinará o seu cérebro a minimizar os sentimentos ruins e a melhorar o seu desempenho.
 

Conheça os cursos e Pós-graduação da USCS na área de Psicologia: https://bit.ly/3000CfD