Arteterapia: a criatividade usada para tratar doenças

Arteterapia: a criatividade usada para tratar doenças

image

A arteterapia se tornou uma opção de técnica para trazer bem-estar para as pessoas que sofrem das mais variadas doenças mentais e físicas. Por meio da arte, é possível promover autoconhecimento, relaxamento e desenvolvimento mental, físico e emocional.
 

Hoje em dia, em razão do uso contínuo de redes sociais e de dispositivos tecnológicos, e, também, por causa do cotidiano cada vez mais atarefado, as pessoas procuram por técnicas que relaxem e, ao mesmo tempo, promovam o bem-estar.  Com a arteterapia, pode-se expandir o lado pessoal, descobrir habilidades e desenvolver métodos para superar desafios mais facilmente.

VEJA TAMBÉM:

As aplicações da ergonomia cognitiva

A arteterapia em prol do desenvolvimento das crianças

Qual é a relação das cores e as nossas emoções?

Curso de Arteterapia da USCS é credenciado na AATESP e na UBAAT

Aprender a lidar com as emoções e com os desafios do dia a dia sem perde a cabeça tem sido uma das virtudes cada vez mais valorizadas. Nesse caso, a arteterapia pode funcionar como uma válvula de escape poderosíssima, já que promove o controle das demandas psicológicas.

Vale lembrar que a técnica não substitui o tratamento psicológico e médico, podemos entendê-la como um complemento que ajudará a pessoa a se recuperar mais rápido. Outro ponto muito importante do método é que ele pode ser aplicado a pacientes de qualquer idade.
 

A arte está muito associada ao talento, no caso da arteterapia, porém, esse conceito deve ser esquecido. O mais precioso da técnica é que ela pode ser entendida como o desenvolvimento de seu processo criativo, e, por meio de desenho, artesanato ou qualquer forma artística, o paciente se sentirá à vontade para expressar e entender seus sentimentos.
 

Tamanha sua importância, a arteterapia faz parte das Práticas Integrativas e Completadores (PICs) oferecidas pelo SUS. Com a sua popularização, o mercado demandará por profissionais preparados para aplicar o método de forma terapêutica.
 

Para exercer um trabalho de qualidade na área da Arteterapia, o profissional precisa ter um curso de especialização. A USCS oferece o curso de pós-graduação em Arteterapia, que tem como objetivo entender e desenvolver o processo criativo do ser humano em suas diferentes fases: infância, adolescência, maturidade e envelhecimento, com a aplicação de técnicas expressivas nos diversos ambientes profissionais, como clínica de psicologia, psiquiatria, instituições escolares, hospitais, ateliês de arte, espaços organizacionais e gestão de pessoas.
 

O curso está dentro dos parâmetros da União Brasileira das Associações de Arteterapia (UBAAT). O campo de atuação para o profissional arteterapeuta se ampliou, podendo atuar em órgãos públicos (SUS, CREAS, CRAS, CAPS) e privados, nas áreas da Saúde, Educação, institucional e organizacional.
 

Saiba mais informações sobre a pós em Arteterapia: https://bit.ly/2AvYhOV