A importância de o líder manter a calma em um momento de crise

A importância de o líder manter a calma em um momento de crise

image

Ser um bom gestor no século 21 é um desafio e tanto, pois são muitas as habilidades que são exigidas do gestor. Trabalhar com gestão não é nada fácil; é preciso estar preparado para mudanças e renovação, e melhor: é preciso manter a compostura diante das transformações e das adversidades. Em um momento de crise, um gestor que tenha a habilidade de lidar com situações complicadas é essencial. Os membros da equipe precisam de um ponto de equilíbrio, agilidade e paciência para ajudá-los a lidar com os problemas.
 

É importante que o líder proporcione à equipe uma sensação de segurança, e é através da sua preparação e maturidade que todos sentirão firmeza na sua gestão. Claro que essas são apenas algumas das características que um líder deve ter. O mais importante é o gestor saber trabalhar a confiança da equipe em seu trabalho e não tornar o ambiente corporativo ameaçador.

VEJA TAMBÉM:

As competências essenciais para os profissionais do futuro

A videoconferência em um período de pandemia

O tempo é um dos grandes pilares do Lean

O gestor nos dias de hoje e seus desafios corporativos

A pior coisa que pode acontecer é os funcionários se sentirem ameaçados, ou seja, terem a sensação de que podem ser demitidos a qualquer momento, quando a meta ou o objetivo não é alcançado.
Manter-se calmo em um momento de crise é indispensável. Quando o gestor entra em pânico em uma situação adversa, essa sensação será refletida diretamente na equipe e em seu trabalho.

 

Qual postura manter para superar um momento de crise?
 

•    Não deixe que as suas emoções assumam o controle. Mantenha-se firme e não chegue ao ponto de ficar muito nervoso. De nada adianta ser grosseiro ou entrar em pânico.
•    Para e pense; nada de tomar atitudes precipitadas. Não leve para o lado pessoal, caso algo saia do controle. Os negócios são imprevisíveis, e muitas ações podem dar certo ou dar errado. Contudo, não carregue a culpa. Para algo ser bem-sucedido, é preciso que uma série de outros fatores deem certo.
•    Atitude positiva sempre! Esse deve ser o seu lema. Quando trazemos a positividade para o nosso ambiente corporativo, tornamos o trabalho mais leve, o clima mais agradável e as pessoas mais saudáveis. Mesmo em um momento de crise, mantenha-se focado no aspecto positivo disso tudo.
•    O medo é um sentimento muito prejudicial; não se deixe levar por ele. Em um momento de crise, a última coisa que a equipe precisa é de vulnerabilidade e instabilidade. É preciso o gestor manter-se racional e objetivo, para que, assim, projete confiança e consiga seguir com o trabalho junto à equipe.
•    Mantenha-se decidido, confiante e com autoridade. Isso passará uma sensação de segurança para a equipe, já que todos confiarão que a crise será superada.
•    Assuma a responsabilidade. Mantenha o foco nas medidas que serão necessárias para passar pela crise e o controle sobre a situação.

 

Ampliar o conhecimento faz parte da qualificação de um bom gestor, e, para tanto, a USCS oferece o curso de MBA em Gestão Estratégica de Pessoas. O curso possui um núcleo voltado para uma visão macro do negócio e tem como objetivo específico: fornecer um conjunto de conhecimentos que capacite os alunos a planejar e implementar, de forma eficiente e ética, as políticas e as práticas voltadas à gestão de pessoas, buscando rentabilidade para o negócio e satisfação para as pessoas.
 

Saiba mais sobre o curso: https://bit.ly/2XGtXuk