Pós-Graduação Presencial

Ventilação Mecânica em Neonatologia e Pediatria

Trata-se de um curso de Pós-graduação lato sensu, modalidade Especialização, o qual inclui os aspectos atuais de ventilação mecânica em neonatologia e pediatria, com aplicabilidade em ambiente hospitalar, domiciliar e no transporte intra, extra-hospitalar e aéreo. Estes são ambientes que exigem cada vez mais do médico e do fisioterapeuta um olhar científico, prático e administrativo, visando à segurança do profissional e do paciente, assim como à sustentabilidade dos cuidados das vias aéreas e do suporte ventilatório no sistema institucional e universal em que o profissional e o paciente/família estão inseridos.

 

A prestação de assistência à saúde para a população brasileira requer a atuação de equipe multiprofissional cada vez mais qualificada, consciente de suas responsabilidades sociais e da necessidade de buscar, constantemente, a melhoria da qualidade de seus serviços. Existe, no Brasil, uma demanda de pacientes carentes de assistência ventilatória qualificada, o que se reflete no aumento na morbimortalidade do paciente que necessita de suporte ventilatório e de cuidados das vias aéreas, aumentando o tempo do uso de tecnologias ventilatórias e os custos financeiros desses cuidados. Soma-se a esses fatores a carência de profissionais voltados ao gerenciamento sustentável do processo de ventilação mecânica hospitalar, domiciliar e no transporte, havendo a necessidade da implantação de sistemas atualizados para a formação desses profissionais, para o gerenciamento seguro e sustentável desse processo. Por outro lado, uma equipe multiprofissional treinada para os cuidados das vias aéreas e para o suporte ventilatório do paciente neonatal e pediátrico implica a diminuição da morbimortalidade de pacientes sob suporte ventilatório em ambiente hospitalar, domiciliar e no transporte.

 

Desse modo, o curso abrange, de forma global e específica, os aspectos que permeiam o gerenciamento do processo de ventilação mecânica invasiva e não invasiva em situações clínicas de baixa, média e alta complexidade; apresenta módulos teóricos e práticos com simuladores e casos clínicos, possibilitando a vivência e o treinamento prático do participante sob a monitoria de profissionais qualificados na área; utiliza metodologia de ensino que inclui: abordagens baseadas em problemas – soluções; elaboração de planos de trabalho e protocolos em pequenos grupos (máximo 5 alunos), monitorada por um ou mais mentores; atividades didáticas em EAD com discussões abertas à turma e aos professores do curso.

 

Os grandes diferenciais desse curso são o corpo docente extremamente qualificado na área e as atividades práticas com materiais e equipamentos para uso em pequenos grupos de cinco alunos.

 

Objetivos do Curso

- Contribuir com a formação e a atualização dos profissionais médicos e fisioterapeutas que atuam ou que pretendem iniciar sua atuação na condução da oxigenoterapia, da ventilação não invasiva e da ventilação mecânica invasiva, assim como nos cuidados das vias aéreas de pacientes neonatais e pediátricos.

- Estimular o desenvolvimento de um perfil altamente qualificado no processo de suporte ventilatório e de cuidados das vias aéreas, permeado por atitudes reflexivas, críticas, humanitárias, éticas e legais, com responsabilidade e competência para atuar na condução desse processo.

- Abordar temas e atividades teóricas e práticas que contribuam para a formação de um perfil profissional para o gerenciamento e a condução do suporte ventilatório e dos cuidados das vias aéreas em neonatologia e pediatria.


A quem se destina: graduados em Fisioterapia e Medicina.

 

Carga Horária: 400h.

 

Matriz curricular

- Fisiologia e Mecânica respiratória, Insuficiência ventilatória aguda e Oxigenoterapia

Diferenças anatômicas e fisiológicas do sistema respiratório do RN prematuro ao adulto jovem

Mecânica Respiratória Básica

Mecânica Respiratória Avançada

Reconhecimento da IVA do RN prematuro ao adulto jovem

Oxigenoterapia de baixo e alto fluxo aplicada em neonatologia e em pediatra: teoria e prática

Introdução à ventilação mecânica: histórico e conceitos técnicos

- Monitoração gráfica básica e Ventilação não invasiva em neonatologia e pediatria

Monitoração gráfica básica: oximetria de pulso e capnografia e seus índices derivados

Princípios básicos da VNI: características técnicas e modos métodos de aplicação

VNI aplicada à neonatologia: modos ventilatórios, como iniciar/monitorar/retirar, métodos de fixação das prongas nasais convencionais, novos modelos de interfaces: teoria e prática

Assistência ventilatória na sala de parto: teoria e prática

VNI aplicada à pediatria: do início à retirada, interfaces, casos clínicos – teoria e prática

Transporte: intra e extrahospitalar, transporte aéreo

- Ventilação mecânica invasiva aplicada a neonatologia e á pediatria

Modos ventilatórios convencionais

Novos modos ventilatórios: VOAF, PRVC, VG, APRV, NAVA

Ventilação mecânica invasiva nas principais doenças respiratórias em neonatologia

Ventilação mecânica invasiva nas principais cardiopatias congênitas

Ventilação mecânica invasiva nas principais doenças respiratórias em pediatria

- Gestão do processo de ventilação mecânica em neonatologia e á pediatria

Tecnologia da informação, prontuário eletrônico

Didática do ensino superior em saúde, metodologia científica e bioestatística

Qualidade e Produtividade em ventilação mecânica: o que é? O que monitorar?

- Cuidados das vias aéreas e adjuntos à ventilação mecânica

Muco, tosse, tosse assistida

Medicações inalatórias

Exames de imagem do sistema respiratório: raio-x, TC, RM, impedância elétrica, US

Gases medicinais e ventilação mecânica: NO, HeO2 

Analgosedação do paciente em VMi e em VNI

Aspectos nutricionais do paciente em VM e VNI

Fisioterapia respiratória no paciente em VMi e VNI

Mobilização Precoce do paciente pediátrico em UTI

Estímulo sensório motor em UTI Neonatal

- Visita técnica e medidas de controle de infecção

Medidas de controle de infecção

Visita técnica às empresas de ventilação mecânica conveniadas

A seleção é constituída das seguintes etapas:

1. Preenchimento de ficha de inscrição;

2. Pagamento da respectiva taxa por meio de boleto bancário;

3. Encaminhamento, via SEDEX ou pessoalmente, da seguinte documentação:

a) histórico escolar;

b) diploma de Curso de Graduação ou demais Cursos Superiores (fotocópia autenticada) ou, em caráter excepcional e provisório, a certidão de conclusão de Curso Superior, emitida por Instituição de Ensino Superior (IES) reconhecida;

c) cópia da cédula de identidade;

d) cópia do CPF;

e) uma fotografia no tamanho 3 x 4 atual;

f) curriculum vitae resumido.

FORTALEZA

Tulip Inn Fortaleza - Avenida da Abolição, 3340 - Meireles
20/10/2018 - (data prevista para início do curso)
SÁBADO E DOMINGO, DAS 8H ÀS 18H, UMA VEZ POR MÊS

SÃO CAETANO DO SUL

Campus Centro - Rua Santo Antônio, 50 - Centro
21/09/2018 - (data prevista para início do curso)
SEXTAS-FEIRAS DAS 12H ÀS 22H E SÁBADOS DAS 08H ÀS 18H, UMA VEZ AO MÊS.