A meditação e os benefícios para o nosso cérebro


Postado em 14/03/2019



Em pesquisas feitas na Mass General e Havard Medical School, os especialistas estudaram os efeitos da metidação no envelhecimento. Na experiência foram analisadas pessoas com sete a nove anos de prática da medicação comparado a um grupo de controle.
 

Os efeitos da meditação eram facilmente percebidos no aumento da massa cinzenta de nossos cérebros, principalmente nas áreas relacionadas a capacidade de decisão, memória de trabalho e ao registro de sensações.
 

Nosso cérebro sofre grandes modificações com o avançar da idade, e os córtices acabam diminuindo. E o resultado contrário foi percebido nos praticantes de meditação, a massa cinzenta dessas pessoas aos 50 anos tinha a mesma quantidade de quando elas tinham metade desta idade.
 

Além disso, a pesquisadora Sara Lazar resolveu inserir pessoas que não tinha vivência nenhuma em meditação em um programa de oito semanas de mindfulness. E mudanças significativas no cérebro dessas pessoas foram percebidas, como: aumento do hipocampo esquerdo que é responsável pela capacidade de memorizar, aprenderam e ter equilíbrio emocional. Além disso, houve uma alteração positiva na região cerebral responsável pela empatia e geração de neurotransmissores.
 

Já a amídala demonstrou uma diminuição, essa região é relacionada a ansiedade, agressividade e medo. O que demonstra que houve uma diminuição no nível de estresse dos participantes.
 

0800 767 8727
(11) 94548-3386




Outros Links