Número de cesáreas aumentam no mundo


Postado em 11/02/2019



O número de cesáreas chegou em um nível alarmante em alguns países. Nos últimos 15 anos o procedimento cirúrgico chegou a proporções preocupantes.  Em 2000, 16 milhões de cesáreas foram feitas, já em 2015 o número é de 29,7 milhões.

A República Dominicana é o lugar onde mais cesáreas são feitas, e o Brasil e Egito estão empatadas com 55% dos nascimentos através de cirurgia. Porém, muitos especialistas defendem que em alguns casos, o procedimento não precisaria ser feito.

A Organização Mundial da Saúde (OMS) lançou medidas para reduzir o número de cesárias desnecessárias. A taxa ideal para quantidade de cirurgias é de 10% a 15%. No Brasil, República Dominicana, Egito e Turquia as taxas são superiores a 50%.

O recomendado é que as mulheres recorram a cirurgia quando realmente for necessário, por motivos médicos. A cesariana expõe a gestação a um risco que poderia ser evitado. Além disso, há perigo em qualquer cirurgia, as mulheres precisam se engajar para evitar esse procedimento cirúrgico, que tem sido feito deliberadamente.

A USCS oferece o curso de pós graduação em enfermagem obstétrica que tem o objetivo de instrumentalizar o enfermeiro da mulher no ciclo gravídico puerperal, assim como em programas de atenção à saúde da mulher. Quer saber mais informações sobre o curso: https://bit.ly/2NNJBLW

0800 767 8727
(11) 94548-3386




Outros Links